Paraíba é o segundo maior produtor de abacaxi do Brasil

Em 02/10/2020

Tempo de leitura: 1 minuto

Levantamento da Pesquisa Agrícola Municipal (PAM), divulgada pelo IBGE nesta quinta-feira (1ºOutubro2020), mostram que o Estado da Paraíba pontua como o segundo maior produtor de abacaxi do Brasil, no ano de 2019. Segundo os dados aferidos, foram produzidos 307,1 milhões de frutos, o que colocou o Estado por 18,9% de toda a produção de abacaxi no país, atrás apenas do Estado do Pará, que teve contabilizou uma produção de 311,9 milhões.O levantamento apresenta informações sobre os principais produtos da agricultura nacional, como área plantada e colhida, quantidade produzida, valor da produção e rendimento médio obtido.

Mesmo que ocupe uma das primeiras posições no ranking nacional, frente a 2018, quando a produção paraibana foi de 334,8 milhões de frutos, houve queda de 8,3% em 2019. Nesse mesmo período, a pesquisa também constatou uma redução de 7,8% no total da área colhida do Abacaxi.O Estado registrou, em 2019, ainda o maior valor de produção do país das lavouras de abacaxi, somando R$ 322,1 milhões. O Estado do Pará, embora tenha produzido a maior quantidade, ficou em 2º lugar, com R$ 271,3 milhões. Por sua vez, o total da produção brasileira foi de R$ 1,9 bilhão.

Os principais produtores de abacaxi em 2019, dentre os municípios do Estado da Paraíba, foram:

  • Pedras de Fogo, responsável por 82,5 milhões de frutos;
  • Itapororoca, 69 milhões;
  • Araçagi, 48 milhões;
  • Santa Rita, 24 milhões;
  • e Lagoa de Dentro, com 12,3 milhões.

 


Tags: Abacaxi, Estado da Paraíba, Estado do Pará, IBGE, Lavouras de abacaxi, PAM, Pesquisa Agrícola Municipal, Produtor de Abacaxi do Brasil